Prémio Nobel da Literatura 2017

Prémio Nobel da Literatura 2017

Kazuo Ishiguro

autor, entre outros, de Os despojos do dia e Nunca me deixes


quinta-feira, 19 de janeiro de 2012

Ravelstein, Saul Bellow (Teoremoa, outras histórias)

    Ravelstein é uma biografia, escrita como se se tratasse de apontamentos, descrições, excertos de diálogos com vista a reter a história do biografado, antes da sua morte. Mas é também uma história de amor/amizade entre dois homens, Chick, o narrador e Ravelstein, o biografado. Se Chick é obviamente Bellow, precisei de ler sobre o livro para saber que Ravelstein é Allan Bloom.
    Ambos professores universitários na vida real e no livro. Ravelstein é um professor que enfeitiça os alunos e os mantém cativos mesmo depois de deixarem a universidade, mantendo com eles uma relação de cumplicidade, troca de informações e influências. Depois de enriquecer com um livro que edita a conselho do amigo, que lhe permite finalmente viver a vida luxuosa que sempre ambicionara, encontra-se doente com sida e pede-lhe que lhe escreva a biografia. O tom do livro é quase o de um diário escrito sobre os últimos meses de vida de Ravelstein. Há histórias que se repetem, apreciações que são contadas em discurso directo por Ravelstein e depois narradas por Chick.
    Depois da morte de Ravelstein, Chick passa também por uma situação de doença de grande gravidade.
   A crueza da linguagem e dos sentimentos é surpreendente (Estou cheio de tusa....nunca esperei que a morte fosse um tão estranho afrodisíaco). A proximidade da morte, do amigo e depois do próprio, conduz a reflexões inevitáveis sobre a vida, o amor e a morte: Na minha idade, não convém sermos demasiado sentimentais. É diferente se levarmos uma vida activa. E eu sou activo, em termos gerais. Mas há vazios, e estes vazios tendem a preencher-se com os nossos mortos.
   Ao escrever a biografia, Chick - Bellow - liberta (-se) de Ravelstein - Bloom. Não é fácil entregar à morte uma criatura como Ravelstein.

1 comentário:

  1. Olá Ana,
    você já conhece Olam Crônicas de Luz e Sombras.
    vi o seu blog e acho que vai gostar do material.
    tem disponível nas livrarias curitiba com oferta de lançamento.
    http://www.livrariascuritiba.com.br/olam-aut-paranaense,product,LV298719,3391.aspx
    Vale a pena ler.
    Abraços, Vivian.

    ResponderEliminar