Prémio Nobel da Literatura 2017

Prémio Nobel da Literatura 2017

Kazuo Ishiguro

autor, entre outros, de Os despojos do dia e Nunca me deixes


sábado, 29 de setembro de 2012

A Leitora Real, Alan Bennett (ASA)

    A Leitora Real, embora um pequeno livro, é uma imensa declaração de amor aos livros e à leitura. Aos livros e à leitura pelo impacte subversivo que têm na vida das pessoas:" Ler é desordenado, discursivo e permanentemente atraente. Receber instruções encerra um assunto, ler revela-o".
    O que aconteceria se a Rainha de Inglaterra, por um acaso (à procura dos seus cães e depois de atravessar a cozinha do Palácio Buckingham) encontrasse uma pequena biblioteca itinerante e um auxiliar de cozinha entretido na leitura de um livro?
    E se depois de descobrir as delícias da leitura tivesse vontade de as divulgar, falando com as pessoas que a rodeiam, permanentemente ou circunstancialmente, sobre livros e escritores?
    Se por um lado nos deliciamos com o crescente entusiasmo pela leitura e pelo impacte que vai tendo na vida da rainha e de quem a  rodeia, por outro é quase impressionante apercebermo-nos como pode ser intimidante falar de livros com quem não lê (seja ou não Rainha) e a estranheza que o fascínio pela leitura causa.  

"Se lhe perguntassem se a leitura lhe enriquecera a vida, ela teria de dizer que sim, sem dúvida, embora acrescentasse com igual certeza que, ao mesmo tempo, lha esvaziara de todo o sentido. Fora outrora uma mulher resoluta e segura, conhecedora do seu dever e decidida a cumpri-lo enquanto pudesse. Agora, ficava muitas vezes indecisa. Ler não era fazer, o problema fora sempre esse. E, embora velha, continuava a ser uma pessoa de acção. (...) Nos livros não pomos a vida. Encontramo-la."

1 comentário:

  1. Boa, li um resumo teu e gostei! Ahahah Acho que depois posso ler este livro.

    ResponderEliminar